«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

PARA TODOS OS AMIGOS UM GRANDE ABRAÇO COM UM DESEJO DE SAÚDE E PAZ

QUE UMA LUZ SEMPRE POSSA BRILHAR EM NÓS APESAR DE TODAS AS VICISSITUDES! 



Não me digam que é Natal,
não me digam que nesta época tocam os sinos do amor,
somos todos passarinhos às bicadinhas
e o nosso sorriso é distribuído de orelha a orelha!

Não me digam que vamos fazer promessas de sermos melhores,
como isso fosse um fabrico que dependesse totalmente de nós!

Palavras bonitas cansam!

Toda a gente tem boas intenções eu sei, porque eu também!

Há palavras que enjoam,
olha-se em volta e as luzinhas e os papelotes de cores variadas magoam a retina, porque são uma ilusão,
tapando um mundo desconsertado!

Também não vou fazer a apologia do «pobrezinho»!

Não vamos ser no Natal,
aquilo que não somos todo o ano,
o melhor é sermos apenas,
e quem tem coragem e determinação para ser,
é todo o ano!
Como dizia o poeta «Natal é sempre que um homem quiser»*!

*ARY DOS SANTOS


6 comentários:

Jorge disse...

Retomo esta partilha a tempo de deixar aqui também um abraço com votos de um Feliz Natal e que em 2013 se concretizem, na medida do possível, os seus melhores desejos,
J

pensandoemfamilia disse...

Olá
Sardades.
Que tenhamos o Natal nas atitudes do nosso dia-a-dia.
bjs

Duarte disse...


AS CORES DO NATAL

É Natal!
Dita-o a natureza.
O verde converteu-se em ouro.
Folhagem dourada pelo tempo
Enche o caminho de ocres.
São lágrimas caídas do céu
Enchendo-nos de riquezas,
Naturais como elas mesmas.
Provocando emoções
Que o meu coração encolhe...

Bom Natal com um abraço

Manuela Freitas disse...

Jorge um grande abraço e o desejo de um 2013 cheio de SAÚDE E PAZ!

Manuela Freitas disse...

Cara amiga,
Desejo um Ano Novo cheio de prosperidades afectivas!
Beijos

Manuela Freitas disse...

Belo poema Duarte, a poesia é sempre o mais belo da vida! Que os nossos caminhos em 2017 possam estar cheios dela!
Grande abraço!