«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




terça-feira, 14 de maio de 2013

PAUL LEMINSKI


2 comentários:

Mary Brown disse...

Querida Manu estou bem mas ando um bocadinho ocupada com outras actividades. Amanhã voltarei para continuar a ler-te. Beijinho Grande e obrigada pelas mensagens.

Manuela Freitas disse...

Grata Mary pela tua passagem por aqui! É muito salutar variar de actividades e para quem se interessa por muitas coisas, elas não faltam!
O poema de Leminski traduz um estar cheia de tudo, mas daquilo que afecta a nossa sanidade!
Beijinhosssss