«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




terça-feira, 5 de abril de 2011

PAZ...

Wanderer above the Sea of Fog (German: Der Wanderer über dem Nebelmeer; also known as Wanderer Above the Mist) is an oil painting composed in 1818

Qualquer Coisa de Paz


Qualquer coisa de paz. Talvez somente

a maneira de a luz a concentrar

no volume, que a deixa, inteira, assente

na gravidade interior de estar.



Qualquer coisa de paz. Ou, simplesmente,

uma ausência de si, quase lunar,

que iluminasse o peso. E a corrente

de estar por dentro do peso a gravitar.



Ou planalto de vento. Milenária

semeadura de meditação

expondo à intempérie a sua área



de esquecimento. Aonde a solidão,

a pesar sobre si, quase que arruína

a luz da fronte onde a atenção domina.



Fernando Echevarría, in "Figuras"


The Beatles - All You Need is Love


10 comentários:

✿ chica disse...

LIndo e a paz é tão necessária e buscada! beijos,tudo de bom,chica

pensandoemfamilia disse...

Lindo tema, bela junção.
bjs

Amanhã iniciiarei a Série/Perdas com a participação da Chica, venha sommar com seus comentários

Memória de Elefante disse...

Oi Manú!

Bem apropriado este poema, emocionante!
Me fizeste lembrar da letra desta canção que acho linda e trago este trecho prá compartir contigo.
Um beijo!

" A paz invadiu o meu coração
De repente, me encheu de paz
Como se o vento de um tufão
Arrancasse meus pés do chão
Onde eu já não me enterro mais

A paz fez um mar da revolução
Invadir meu destino; A paz
Como aquela grande explosão
Uma bomba sobre o Japão
Fez nascer o Japão da paz"...
Gilbero Gil

www.amsk.org.br disse...

Quão bom foi vir aqui e ler. Acho que precisava ler o que lí.

Obrigada

Homeopatas dos Pés Descalços

Em@ disse...

Manú, como não consigo encontrar as palavras que eu queria deixar-te. nesta tua fase de dor, permite-me que te deixe um abraço bem forte e o meu carinho. olha, e + um beijo

Malu disse...

PAZ, para teu coração que bem sei precisar dela assim como tantos de nós, amiga!!!
E quanto a canção? Bem ela está aqui, em meu coração.
Abraços, Manu, cheios de LUZ e PAZ!!!

as-nunes disse...

Belos tempos, dá vontade de dizer,
ó tempo volta p´ra trás
traz-me tudo o que eu perdi

siga a rusga...

É certo que outras coisas menos boas se passaram também, guerra, censura, limitações económicas...
mas a idade passava por cima de tudo isso.

Assim espero que aconteça agora, também.

Um grande abraço, Manuela
António

Astrid Annabelle disse...

Eu te desejo a paz nesse tempo triste...
Um beijo querida Manú
Astrid Annabelle

tossan® disse...

E viva a paz! Seria bom se todos os ditadores da terra assim ententessem. Bj

Glorinha L de Lion disse...

Que a paz possa voltar a inundar nossos corações, minha amiga. Obrigada por divulgar meu livro. Sou-te grata por teu enorme carinho e amizade por mim, beijos grande,