«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quinta-feira, 5 de abril de 2012

AS VIRTUDES DE CADA UM!

Não desprezo os homens. Se o fizesse, não teria direito algum nem razão alguma para tentar governá-los. Sei que são vãos, ignorantes, ávidos, inquietos, capazes de quase tudo para triunfar, para se fazer valer, mesmo aos seus próprios olhos, ou simplesmente para evitar o sofrimento. Sei muito bem: sou como eles, pelo menos momentaneamente, ou poderia tê-lo sido. Entre outrem e eu, as diferenças que distingo são demasiado insignificantes para que a minha atitude se afaste tanto da fria superioridade do filósofo como da arrogância de César. Os mais opacos dos homens também têm os seus clarões: este assassino toca correctamente flauta; este contramestre que dilacera o dorso dos escravos com chicotadas é talvez um bom filho; este idiota partilharia comigo o seu último bocado de pão. Há poucos a quem não possa ensinar-se convenientemente alguma coisa. O nosso grande erro é querer encontrar em cada um, em especial, as virtudes que ele não tem e desinteressarmo-nos de cultivar as que ele possui. 

Marguerite Yourcenar, in 'Memórias de Adriano'

Meu apreço muito especial por Marguerete Yourcenar, com uma citação de um dos livros que escreveu, que está entre os meus «mais mais», embora tenha muitos livros marcantes na minha vida, de acordo com fases diversas de leitora que atravessei!

6 comentários:

mfc disse...

Uma mulher inteligente, profunda, diferente e originalíssima!

Lilá(s) disse...

Hoje, venho só desejar uma santa e feliz Páscoa!
Beijo

BRANCAMAR disse...

Manuela,

Tão verdade e tão lindo tudo o que aqui diz Marguerete Yourcenar.

O ser Humano é muito complexo, mas fascina-me ao mesmo tempo o entendimento das suas "razões" mais profundas.

Adorei há tempos ter percebido que reabriste o Light a comentários, só peço desculpa por estar a atravessar uma fase complicada de horários e disponibilidade e não passar tanto quanto merecem páginas como esta e outras que tens por aqui, incluindo a entrada com um pensamento de um Homem marcante para a Humanidade e para mim, na minha adolescência.

Foi um tempo que marcou muita da minha sensibilidade, o tempo de grandes ideais e de grandes mudanças.

Desejo-te um bom fim de semana de Páscoa.

Beijinho grande para ti.
Branca

Expedito Gonçalves Dias disse...

Lindo texto. Não conhecia a autora.
Desejo-lhe uma excelente Páscoa achocolatada!

Anónimo disse...

Manuela,

Tão verdade e tão lindo tudo o que aqui diz Marguerete Yourcenar.

O ser Humano é muito complexo, mas fascina-me ao mesmo tempo o entendimento das suas "razões" mais profundas.

Adorei há tempos ter percebido que reabriste o Light a comentários, só peço desculpa por estar a atravessar uma fase complicada de horários e disponibilidade e não passar tanto quanto merecem páginas como esta e outras que tens por aqui, incluindo a entrada com um pensamento de um Homem marcante para a Humanidade e para mim, na minha adolescência.

Foi um tempo que marcou muita da minha sensibilidade, o tempo de grandes ideais e de grandes mudanças.

Desejo-te um bom fim de semana de Páscoa.

Beijinho grande para ti.
Branca

Pedrasnuas disse...

Destaco a seguinte frase :"O nosso grande erro é querer encontrar em cada um, em especial, as virtudes que ele não tem e desinteressarmo-nos de cultivar as que ele possui."

Beijinhos e Boa Páscoa