«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




sábado, 7 de maio de 2011

ERROS - «Errare humanum est, perseverare diabolicum»

COMPREENDER...



Os Erros

A confusão a fraude os erros cometidos
A transparência perdida — o grito
Que não conseguiu atravessar o opaco
O limiar e o linear perdidos
Deverá tudo passar a ser passado
Como projecto falhado e abandonado
Como papel que se atira ao cesto
Como abismo fracasso não esperança
Ou poderemos enfrentar e superar
Recomeçar a partir da página em branco
Como escrita de poema obstinado?

Sophia de Mello Breyner Andresen, in "O Nome das Coisas"

...OU QUERER COMPREENDER, NÃO QUERENDO MAIS COMPREENDER...



O Paradoxo do Entendimento

Mas de vez em quando vinha a inquietação insuportável: queria entender o bastante para pelo menos ter mais consciência daquilo que ela não entendia. Embora no fundo não quisesse compreender. Sabia que aquilo era impossível e todas as vezes que pensara que compreendera era por ter compreendido errado. Compreender era sempre um erro - preferia a largueza tão ampla e livre e sem erros que era não-entender. Era ruim, mas pelo menos sabia que estava em plena condição humana.

Clarice Lispector, in 'Uma Aprendizagem ou o Livro dos Prazeres»

7 comentários:

Astrid Annabelle disse...

Olá querida Manú!
Persistir no erro é grave...muito grave!
Belo post...o título me chamou....

Feliz dia das Mães para você...sei que em Portugal já foi comenmorado, mas por aqui se comemora amanhã!
E como entendo que todos os dias são dias das Mães...:))
Muitos beijinhos.
Astrid Annabelle

Lúcia Soares disse...

Manu, os dois são textos claros e verdadeiros.
Acho que sempre podemos recomeçar, seja em que tempo for.
E acho que não compreender certas coisa, ou passar a ignorá-las, também é válido.
Tanto errar e recomeçar, quanto não querer entender tudo, ter respostas para tudo, fazem parte da vida.

Bom domingo, como todos devem ser sempre, para nós.
beijo!

Zélia Guardiano disse...

Que postagem magnífica, querida Manuela!
Você sabe enfeitar um sábado!
Grata, amiga!
Abraço apertado!

Tati disse...

Oi Manú,
Eu me sinto assim SEMPRE!! rsrs Tento entender, preciso entender. Chego a conclusões... então minhas convicções caem por terra, e tento aceitar e pronto, mas dali a pouco lá estou eu de novo, por que sou curiosa e quero muito compreender o mundo!
Adorei o texto.
Beijos.

manuel marques disse...

Quando não cometemos erros geralmente não fazemos nada.

Beijo meu Manu.

Valéria Sorohan disse...

Os erros refazem conceitos.

BeijooO*

Beth/Lilás disse...

Manu, querida!
Vim aqui hoje para desejar-lhe um lindo e abençoado dia das mães.
Aqui no Brasil, festejamos amanhã e você é uma mãe querida e muito amada, então, feliz dia das mães!
beijos cariocas