«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




terça-feira, 25 de janeiro de 2011

HEREAFTER – OUTRA VIDA (O último filme de CLINT EASTWOOD)

Classificado com 4 estrelas (estrelas muitas vezes enganadoras) na separata Ipsilon o novo filme de Clint Eastwood, é descrito como: Um belíssimo exercício "nocturno" sobre furtivas lágrimas, encontros e desencontros!



O filme avança pelo território da crença na vida além da morte! Um tema bastante polémico e sensível!


A impecabilidade dos filmes de Eastwwod não está em causa, a sua técnica é evidente e facilmente se entra no filme, mesmo que subjacente esteja sempre presente o cepticismo (no meu caso).


O operário americano, George (Matt Damon), é vidente e apesar de ter ganho muito dinheiro praticando esse «dom», abandona, por considerar isso na sua vida como uma maldição. Marie Lelay (Cécile de France), é uma jornalista francesa, que em serviço foi atingida pelo tsunami na Indonésia, onde chegou aos limites, passando a fronteira da vida para a morte, sobrevive, mas fica bastante traumatizada. Marcus (George McLaren e Frankie McLaren) é um miúdo inglês, que perdeu o irmão gémeo de forma brutal. Tanto Marie como Marcus precisam de falar com George, para ultrapassar os seus traumas.


Clint Eastwood, pela idade que tem, possivelmente agarrou este argumento pelas suas próprias inquietações e a dúvida ancestral: o que acontece depois de morrermos? Haverá vida para além da morte? Eastwood tem abordado a temática da morte de forma consciente e corajosa em várias obras, desde as cinzas espalhadas pelo rio em As Pontes de Madison County, à eutanásia em Million Dollar Baby, filmando-se mesmo a si próprio num caixão, na obra-prima Gran Torino. Mas nunca o tinha feito desta forma tão inequívoca, entre o espiritualismo e a transcendência. Fica-se, no entanto sempre do lado dos vivos, não nos é dada a ilusão de como será o além, apenas a ilusão de que o além existe. O mais importante passa-se no lado de cá.


Segundo a crítica: Não é um grande Eastwood, mas consegue ser bastante mais interessante, em termos cinematográficos, do que o anterior Invictus.




10 comentários:

Zélia Guardiano disse...

Adorei a postagem, Manuela!
Gosto demais de Eastwood e vou tratar dever o filme, sem dúvida! Grata !
Abraço bem apertado.

Nilce disse...

Oi Manu

Fiquei com muita vontade de ver o filme.
Mesmo com todas as descrenças, me pareceu impressionante pelo trailler.
Obrigada pela dica.

Bjs no coração!

Nilce

Ana disse...

Já o vi, mas soube-me a pouco. A pouco Eastwood, a pouco sobre o tema...Adorei a interpretação dos miúdos e os efeitos do Tsunami.
Qt à comparação com o Invictus, permita-me discordar:))

Valéria Sorohan disse...

Parece ser um bom filme. Clint Eastwood ainda existe??..rs

BeijooO*

Glorinha L de Lion disse...

Pois eu adorei Invictus! Já esse, não sei não...pela temática, acho que não me agradará...por aqui filmes de temáticas espiritualistas estão "in", como Chico Xavier, Nosso Lar, etc...eu detesto tudo isso, mas um Clint é um Clint, não posso falar do que não vi ainda. Beijos Manu, saudades,

Fatima disse...

Gostei da dica!
Bjs

willian disse...

Ola. sou proprietario de dois blogs:
www.oficialentreter.blogspot.com
www.ogospel.blogspot.com
estou procurando parcerias, caso esteja interessado(a) entre em contato atravez de um dos blogs.

Sandra Botelho disse...

Vou ver o filme com certeza...obrigado querida por compartilhar.
Linda semana pra ti.
Bjos achocolatados

Laura disse...

Já fui ver, esperava algo mais profundo, acredito nessa forma de vida depois da vida, mas, não criou expectativas nenhumas...

Um beijinho
laura

Pedrasnuas disse...

ESTOU TÃO CURIOSA QUE EM PRINCÍPIO IREI VÊ-LO ESTE SÁBADO...GOSTEI MUITO DOS FILMES QUE MENCIONASTE,SÓ NÃO VI O GRAN TORINO...
PESSOALMENTE GOSTO DE IMAGINAR QUE EXISTE UMA FORMA DE VIDA PARA ALÉM DESTA...QUE A MORTE NÃO É O FIM,A TERRA DURA QUE TRANSFORMA O SER HUMANO APENAS EM PÓ E MAIS NADA...
CURIOSAMENTE HOJE NO LINHA DA FRENTE O PROGRAMA FOI DEDICADO A CASOS DE PESSOAS POSSUÍDAS POR ALMAS...CONFESSO QUE ME ARREPIEI...
E SEGUNDO A EXPLICAÇÃO DO PADRE EXORCISTA UMA PESSOA SÓ PODE SER INCORPORADA SE FOR MEDIUM,SEGUNDO ELE,POR EXEMPLO, AS PESSOAS QUE SE SUICIDAM MORREM NA ALTURA QUE NÃO É A SUA E TENDEM A VOLTAR E ANDAM PERDIDAS À PROCURA DE UMA ALMA...MAS SÓ O FAZEM NAQUELAS QUE SÃO MEDIUNS...PORQUE ESTAS ESTÃO ENTRE A ESFERA DO TRANSCENDENTAL E DO REAL...E OS EXORCISTAS TAMBÉM SÓ PODEM SER IGUALMENTE MEDIUNS...CASO CONTRÁRIO NÃO CONSEGUEM EXPULSAR AS TAIS ALMAS...

ENFIM...HONESTAMENTE NÃO SEI...E PREFIRO FICAR LONGE DESTES ASSUNTOS TÃO APROFUNDADOS...

AGORA QUERO VER O FILME PARA SABER COMO É...

MIL BEIJINHOS POR TRAZERES ESTA TEMÁTICA...