«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




sexta-feira, 10 de junho de 2011

Dia de Portugal, de CAMÕES e das Comunidades Portuguesas,

Ao desconcerto do Mundo


Os bons vi sempre passar
No Mundo graves tormentos
E pera mais me espantar,
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamentos.
Cuidando alcançar assim
O bem tão mal ordenado,
Fui mau, mas fui castigado.
Assim que, só pera mim,
Anda o Mundo concertado.




O retrato de Camões por Fernão Gomes, em cópia de Luís de Resende. Este é considerado o mais autêntico retrato do poeta, cujo original, que se perdeu, foi pintado ainda em sua vida.


Nascimento
cerca de 1524 Lisboa ?
Morte - Lisboa 10 de junho de 1580


 Coitado! que em um tempo choro e rio


Coitado! que em um tempo choro e rio
Espero e temo, quero e aborreço;
Juntamente me alegro e entristeço;
Du~a cousa confio e desconfio.

Voo sem asas; estou cego e guio;
E no que valho mais menos mereço.
Calo e dou vozes, falo e emudeço,
Nada me contradiz, e eu aporfio.

Queria, se ser pudesse, o impossível;
Queria poder mudar-me e estar quedo;
Usar de liberdade e estar cativo;

Queria que visto fosse e invisível;
Queira desenredar-me e mais me enredo:
Tais os extremos em que triste vivo! 

9 comentários:

♕Miss Cíntia Arruda Leite ღ disse...

Manu!
Feliz fim de semana!

beijos

Fatima disse...

Manu,
vc acredita que li Os Lusíadas pela primeira vez com 10 anos.
Me encantava obra poética de Camões.
Penso que já era meu interesse por história.
Bjs.

Fatima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Associazione Culturale Luís de Camões disse...

Desejamos a todos os Portugueses um Feliz Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas. Nós também celebramos este dia no blogue da “Associazione Culturale Luís de Camões” – Un ponte fra Italia e Portogallo (Milão – Itália): ”10 Giugno: Giorno del Portogallo, di Camões e delle Comunità Portoghesi - 10 de Junho: Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas”.
Estamos também no Facebook!.
Um grande abraço

Glorinha L de Lion disse...

Manu, querida, esse segundo poema sou eu! Todinha eu! Pra gente ver que os bons poetas e escritores são sempre atuais! Beijos, adorei ler Camões,

Bombom disse...

Só lamento que os intelectuais e os políticos da época o tenham deixado viver e morrer na miséria, a ponto de ele ter contratado um escravo para pedir esmola para ele...É assim que Portugal trata os seus heróis. Ontem como hoje...
Bjs. Bombom

Maria disse...

O nosso Poeta MAIOR!!!
Bom fim-de-semana e beijos.

Artes e escritas disse...

Camões é eterno e genial em todas as épocas. Felicidades ao portugueses! Um abraço, Yayá.

Bia Jubiart disse...

Oi Bella!

Meu esposo adora Camões!

Um ótimo fim de semana p/ vc!

Beijooooooooooo