«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

ENCONTRAR BOAS NOTÍCIAS NOS JORNAIS, NÃO É FÁCIL!...DE HOMICÍDIO, A ROUBO, A BURLICE, A VIOLÊNCIA NA ESTRADA...E OUTRAS COISAS QUE TODOS NÓS SABEMOS..

UMA NOTÍCIA + ou -, sobre a CORRUPÇÃO EM PORTUGAL

O menos é que em 2006 Portugal no ranking de percepção da corrupção ocupava a 26ª.posição entre 180 países analisados, mas a situação tem vindo sempre a piorar, em 2007 baixou à 28ª, em 2008 baixou a 32ª e este ano baixou a 35ª, ie desceu nove lugares em quatro anos.
Um estudo revela que os portugueses são na generalidade contra a corrupção, mas praticam a «cunha» com facilidade.
O que pode ser um +, há uma ong Transparência Internacional, sediada em Berlim, desde 1993 e um grupo de peritos nacionais influentes, propõe-se a criação de algo no género, com o objectivo de pressionar o governo e as instituições a uma maior eficácia neste combate.


SOBRE A CORRUPÇÃO, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon, disse que a corrupção é um obstáculo ao desenvolvimento e apelou para que as pessoas nunca aceitem nem ofereçam subornos.



Esta já é de facto uma boa notícia: O restauro do Mosteiro de Tibães, feito pelo arquitecto João Carlos Santos, venceu a medalha de ouro da bienal de Miami Beach 2009.Organizado pelo Instituto Americano de Arquitectos, pela Sociedade Americana de Arquitectos paisagistas e pela Federação Pan-Americana de Associação de Arquitectos, o concurso distingue as obras mais importantes em todo o mundo, na categoria de restauro.




(Fotografias tiradas do Google)

5 comentários:

Maria Letra disse...

Boa noite, Manuela.
Esta é a primeira vez que visito o seu blogue e dou-lhe os meus cumprimentos pelos temas dos textos que edita.
Irei comentar este seu mais recente post, embora referindo o anterior.
Quando, muito jovem, vim estudar para Londres, vinha cheia de curiosidade de conhecer 'a diferença'. Mais recentemente, embora há já alguns anos, fui viver, temporariamente, em trabalho, para Itália e levei comigo a mesma cuiosidade.
Surpreendentemente, constatei que as diferenças se equilibravam. Em todos os países, prós em contras, mantêm os pratos da balança equilibrados.
Quanto a homicídios, roubos, burlices, violência nas estradas, pedofilia, suborno, etc., etc., etc., minha boa amiga, é melhor nem comentar, pois a 'desgraça' é enorme em qualquer um deles.
Entre aqueles três países, com uma larga diferença, no plano social e na educação, coloco o Reino Unido em primeiro lugar. Há muito respeito pelos menos favorecidos, sem dúvida alguma, independentemente da sua etnia.
Ainda quanto a esta série de tristes notícias que vimos publicadas ou anunciadas todos os dias, eu volto a referir um caso que havia já publicado num blogue: Ao ser entrevistada uma jornalista da televisão inglesa, durante a qual lhe perguntaram porque era que ela nunca sorria, sequer, ela perguntou: - Acha que terei razões para sorrir?
Uma boa noite, Manuela.
Maria Letra

Elaine Barnes disse...

Derrubar a corrupção gradativamente já é alguma coisa né? Sinal que algo está funcionado. É um trabalho de formiguinha como sempre,mas, melhorando já anima. Aqui eu nem sei em que lugar está o Brasil, só sei que são pegos, a imprensa faz o maior "auê" depois vai sumindo e acabando em pizza! As fotos são lindas do concurso. Dificil escolher. Montão de bjs

poematar disse...

De facto enontrar boas notícias é um martírio.Um dia fiz um exercício com alunos meus. Lembrar boas notícias, nem que fossem pequeninas, até triviais. Não é que que foi um bloqueio total? Lá fui puxando pleo quotidiano de cada um e começaram a surgir... É a formatação com que os media nos aterram; por isso não os vejo, nem os oiço, nem leio. Quanto muito passo os olhos. Sabia que um grupo, em Inglaterra, criou um canal só com boas notícias e passado pouco tempo, fechou, faliu? Curioso e terrível. os portugueses não são nem mais nem menos corrupts do que os outros. Nota-se mias agora; e, como temos um jeito peculiar pelo desenrascanso... dá também em corrupção, como dizem os "estudos" que chovem, em aguaceiros fortes, conforme os interesses. Tudo de bom e visite-me.

G I L B E R T O disse...

Manuela

No que tange a corrupção, nós, no Brasil somos imbatíveis! Temo-la em todas as facetas, em todos os graús, em todos os níveis, e, todas as cores.

Temo-la em nível experimental e em muito no profissional.

Ela é entranhada no povo, como se fosse algo normal, da natureza, como se o homem nascesse e crescesse sobre este estigma, sobre esta libra maldita.

Enfrenta-la se deve, faze-la todos os dias, de todas as formas, usando-se todas as ferramentas que dispomos - nos estamos fazendo nossa parte - vociferando nossa indignação!"

ABraços!

Nes disse...

Hola Manuela, a min o da corrupción traeme "tolo", ver casi todos os dias os que gobernan metendo a man os cartos de todos nos ponme malo, a corrupción existe en casi todos os paises, eu digo que e moi facil gobernar con carto alleo, pois si fose co de un mismo outra cousa seria, bueno non nos queda mais que os collan, cumplan condea y haber cando veñen gobernantes honrados, un biko.