«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

A MULHER MAIS PODEROSA DE PORTUGAL...

A mulher mais poderosa de Portugal é angolana - Pedro Santos Guerreiro

Portugal tem muitas mulheres importantes, algumas são ricas, poucas são poderosas. Uma é as três coisas. Tem 36 anos e não é portuguesa. É a angolana Isabel dos Santos.
O "dinheiro dos angolanos" pesa sobre muitas consciências. Os angolanos são entronizados em Portugal.
Dizem que detesta ser tratada como "a filha de José Eduardo dos Santos". Pela maneira como está a afirmar-se em Portugal, um dia trataremos o Presidente de Angola como "o pai de Isabel dos Santos". É a nova accionista da Zon. E de muitas outras empresas. Uma atrás da outra, todas lhe estendem tapetes. Tapetes verdes, da cor do dinheiro.
A mulher mais rica de Portugal, segundo a "Exame", é Maria do Carmo Moniz Galvão Espírito Santo Silva, com uma fortuna de 731 milhões de euros. Não tem metade do poder de Isabel dos Santos. E tem apenas uma fracção do seu dinheiro: só na Galp, BPI, Zon e BESA, a empresária angolana tem quase dois mil milhões de euros. Fora o resto.
A lista dos dez mais ricos de Portugal está aliás cheia de pessoas que fazem negócios com a família dos Santos. Américo Amorim é sócio de Isabel na Galp e no Banco BIC. Belmiro de Azevedo, segundo foi noticiado, quer ser parceiro de distribuição em Angola. O Grupo Espírito Santo tem interesses imobiliários, nos diamantes, na banca. Salvador Caetano tem concessões. O Coronel Luís Silva acaba de fechar negócio para vender acções da Zon a Isabel dos Santos. Zon onde João Pereira Coutinho e Joe Berardo são accionistas.
Da lista dos mais ricos, só a família Mello e Soares dos Santos estão "fora" da geografia. O "dinheiro dos angolanos" pesa sobre muitas consciências. Soares dos Santos foi o único a assumir publicamente o desdém pelos níveis de corrupção de Angola.
Isabel dos Santos é accionista da Zon e sócia da PT. É accionista do BPI e sócia do BES. É accionista da Galp e a Sonangol é parceira da EDP. A empresária garante que não tem relações com as actividades do seu pai e da estatal Sonangol. Identificando todos os interesses em causa, as relações de sociedades portuguesas alargam-se ainda à Caixa, Totta, BPN e Mota-Engil. Dá um índice bolsista.
O que faz com que tantas empresas portuguesas implorem para fazer negócios com Isabel dos Santos? E que Isabel "jogue" em equipas rivais, concorrentes confessos em Portugal, sem um pestanejo? Só uma coisa consegue tanto unanimismo: o dinheiro. A liquidez angolana, que desapareceu de Portugal. A contrapartida de acesso ao crescente mercado angolano. Os portugueses não abrem os braços a Isabel dos Santos, abrem-lhe as carteiras - estão vazias.
O casamento entre angolanos e portugueses tem as prioridades do das famílias feudais: o interesse está primeiro, o amor virá depois, se vier. E o interesse é recíproco: os angolanos são entronizados em Portugal e na Europa; os portugueses são-no em Angola e em África. Não há equívocos, há dinheiro.
Os últimos dois grandes negócios de Isabel dos Santos em Portugal, no BPI em 2008 e na Zon em 2009, tiveram uma curiosidade cabalística: ambos foram fechados na terceira semana de Dezembro, ambos de 10%, ambos por 164 milhões. Na Zon, pagou um prémio de 26% sobre a cotação. Comprou caro? Comprou mais barato que os accionistas que estão na empresa. Comprou bem.
Isabel e José Eduardo construíram um poder tão ramificado em empresas portuguesas que só o Estado e Grupo Espírito Santo os ultrapassarão. Tanta concentração de poder é mais ameaçadora do que uma nacionalidade. Em Portugal, Isabel e José Eduardo não são Santos da casa mas fazem milagres.
Fonte: Jornal de negócios

8 comentários:

Glorinha Leão disse...

Oi Manu, mas tu já tens todos os links aí ao lado, inclusive o meu...o que vc ainda não sabe fazer?
Se quiser tirar ou colocar algum é só ir em LAYOUT, clicar onde ficam seus blogs preferidos...vai aparecer sua lista, exclua os que não quer mais e salve.
Vc já deve ter feito isso...bem se tiver dúvidas de algo, me mande um email, ok?
E essa toda poderosa aí, menina, que coisa!
Agora, quanta falcatrua deve ter por debaixo dos panos, ein? Igualzinho aqui...e Angola não é um dos maiores produtores de diamantes do mundo? os chamados Diamantes de Sangue?
O mundo é podre assim...a miséria é que alimenta os poderosos.
Acho que infelizmente, isso nunca vai mudar,
Beijos minha querida.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Quem sai aos seus... Aprendeu tudo com o paizinho

Cris França disse...

é minha amiga, infelizmente, isso ai é igual mato, nasce pra todos lado, so muda mesmo a escala. bjs

Maria disse...

Pois...

Um beijo

Regina disse...

Querida Manú,

O interesse é o que move a humanidade...

Poucas pessoas se aproximam a troco de nada, infelizmente...

O ser humano está se esquecendo de "ser" e só pensa em "ter"...

Aproveito a oportunidade para agradecer o seu comentário no post que fiz sobre o livro "O filho eterno". Suas visitas sempre enriquecem meu espaço, muito obrigada!!

Beijo!!

Cris França disse...

Manu, vim dizer que adorei te conhecer, agora, reconheço o teu rosto entre os amigos e isso é muito bom. bjs

Fátima disse...

O dinheiro é dos poderosos, mas a decência é dos poucos e bons.´
Agradeço sua visita e comentário.
Seu espaço é enriquecedor, voltarei mais vezes.
Um lindo dia pra você.
Beijo..

Maria Ribeiro disse...

MANUELA FREITAS: como sabe, já me referi a esse facto, no meu blog. E agora, com o pai, PRESIDENTE DA REPÚBLICA ANGOLANA PARA SEMPRE... os diamantes já não fogem!
BEIJO
LUSIBERO