«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




segunda-feira, 4 de outubro de 2010

PASSANDO PELO CENTRO HISTÓRICO DE LEIRIA


Ontem tinha escrito o que está em baixo, mas a tempestade foi de tal ordem que afectou o computador e não consegui colocar aqui fotografias, nem entrar em comunicação.
«Acordei hoje (ontem), com o barulho da tempestade.
Bátegas de chuva batidas pelo vento. No sábado especialmente para mim, esteve um dia de sol, um dia realmente agradável. Digo especialmente para mim, porque tinha passeio marcado.»

FOTOGRAFIAS DO CENTRO HISTÓRICO DE LEIRIA, A PRECISAR DE INTERVENÇÃO, PORQUE SE ENCONTRA MUITO DEGRADADO.



Leiria, dedicou o dia «2 DE OUTUBRO», à música, vários géneros de música foram tocados: na Sé, órgão; nas ruas harpa, jazz, coros, música celta, rap, banda…Tudo decorreu nas ruelas do centro histórico, uma ideia de facto interessante!..»










  

12 comentários:

Glorinha L de Lion disse...

Ai Portugal, Portugal, que saudades de ti! Ao ver tuas fotos amiga amada, me deu uma saudade danada desta terra que é um pouco minha. Beijinhos.

Ana Paula Sena disse...

Vejo que o passeio foi muito bom, Manuela, ainda para mais com muito sol.

Ontem, também choveu muito, aqui para os meus lados. Hoje, o sol brilha, ainda que timidamente.

É pena observar a falta de conservação do centro histórico de Leiria. Por acaso, é uma terra que conheço mal. Não vou lá há imenso tempo.

Obrigada pelas fotos. Deixo um beijinho.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Que lindo!
uma pena que você disse que falta um pouco de intervenção a fim de preservar o local.
Mas é muito bonito, interessante! Gostaria muito de conhecer, amo o seu país!
boa semana!

manuel marques disse...

Post muito interessante,os dizeres da placa da primeira foto são realmente hilariantes.Toda a gente se demite das suas responsabilidades,pobre Potugal,onde vais parar.

Beijo minha querida.

Maria Teresa disse...

Manuela:
Adorei conhecer a cidade cujas paisagens passearam pela minha imaginação, quando li O crime do padre Amaro do Eça.
Beijos

Cris França disse...

antes de escrever o poema , eu estive por aqui te lendo.
lindo o post
lindo seu modo de ver
lindo o lugar

obrigada por me cutucar Manu
é bom estar de volta
e saber que as verdadeiras amizades não se perdem com a distância e com o tempo

um beijo querida

Pedrasnuas disse...

É CULTURA,SIM SENHORA!!!

O PATRIMÓNIO É PARA RECUPERAR E VALORIZAR,AFINAL SÃO AS NOSSAS RAÍZES....

BEJINHO

Luís Coelho disse...

Andei por aí a ver um pouco de cada grupo. A tarde esteve maravilhosa.
A iniciativa foi boa e serviu para nos situarmos em diversos pontos da parte velha da cidade.

A reconstrução tem de ser posicionada na actualidade. Não há dinheiro, dizem, e parece-me que não existem ideias que façam acordar toda aquela parte em ruínas.
Zona residencial ???
Não têm estacionamento e querem tirar dali o transito.
Comércio ???
Em ruas tão apertadas ???
Nos últimos tempos só têm aberto bares em todas as esquinas e cantos.

Em@ disse...

Manú, que interessante! no último dia 25 jantei em Leiria...no Mário!
Beijo no <3 e saúde para todos.

Fatima disse...

Que lindeza!
qualquer dia deste estou por ai!!!
Bjs.

Socorro Melo disse...

Manu,

Adorei as fotos. Portugal tem lugares incríveis, que faz parte dos meus planos conhecê-los, um dia,kkk
Enquanto isso não ocorre, me delicio com as imagens vindas dos meus amigos virtuais.

Beijos
Socorro Melo

Brown Eyes disse...

Manuela aproveita o máximo que puderes para viver. Nada como um bom passeio para nos sentirmos rejuvenescer. Beijinhos