«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quarta-feira, 10 de novembro de 2010

A LUTA CONTRA A CORRUPÇÃO


As guerras orçamentais de alecrim e manjerona entre PS e PSD, os dichotes e remoques, as ameaças, os arrufos, a fotografia do telemóvel, as trocas de acusações sobre o bar aberto a "boys" e "girls" que são hoje certos serviços e empresas públicas (a ANACOM terá gasto 150 mil euros num jantar, 100 mil em "rebranding" e 20 mil em "Moleskines", e a Associação de Turismo dos Açores 196 mil numa festa com "disco party", "welcome drink" e "cocktail dinatoire", o que quer que isso seja), tudo coisas por que os média se pelam, deixaram praticamente na clandestinidade a aprovação pelos mesmos compadres de uma nova lei de financiamento dos partidos.


Nem o desabafo de Seguro ("Não voto leis contra os meus princípios. Serei implacável no combate à corrupção"), nem a notícia de que muitos deputados do PS não tiveram sequer conhecimento prévio das alterações finais introduzidas na lei por Ricardo Rodrigues, o dos gravadores, e ter-se-ão visto obrigados a votá-la "de olhos fechados", foram bastantes para que o cheiro a esturro chegasse ao nariz do jornalismo de recados que hoje maioritariamente por aí se faz.

Uma das novidades da lei é que os partidos poderão agora receber donativos dos candidatos integrados nas suas listas eleitorais. Ou, vista a coisa de uma perspectiva mais feliz, que passará agora a ser possível "vender" lugares, elegíveis ou não, em listas eleitorais a troco de donativos.

6 comentários:

Ana disse...

Ou seja, a partir de agora os lugares no parlamento e nas autarquias estão à venda, é isso?

Fatima disse...

Éh Manu,
o caminho é longo e a luta é árdua.

Mudando de assunto:
Vc sabia que sou cantora lírica?
Estudo canto lírico desde os 14 anos.
Bjs.

Sandra Botelho disse...

Essa luta é infindável...Eterna.
E acho que mesmo assim não será conclusiva.
Bjos querida tenha dias lindos

Misturação - Ana Karla disse...

Manu, estou um pouco corrida, mas passei pra desejar-lhe um bom dia.
Venho com calma me atualizar.
Xeros

Maria Letra disse...

Será que alguma vez veremos esta gente entender-se, Manuela? Isto vai mas é, às tantas, chegar a um tal ponto que cada vez haverá mais lugares no parlamento por preencher ..., se acontecer o que temo ....

Manuela Freitas disse...

Sobre estas notícias de gastos em demasia e corrupção, considero que é um absurdo e um escândalo pedir sacrifícios aos portugueses! TUDO TEM QUE MUDAR!!!