«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quarta-feira, 1 de setembro de 2010

O ANTES E...AGORA!


ANTES é uma palavra que deixei de dizer. Palavra que era sempre recebida, com aquele encolher de ombros de «tudo mudou»! Realmente só se começa a falar no ANTES a partir de certa idade. O primeiro grande embate para mim, foi com os meus filhos e, vi quanto pouco eficaz era utilizar o ANTES. De facto o ANTES é um termo que os jovens não gostam, principalmente quando é para os contrariar! Eu também ficava sempre a pensar na idiotice da palavra. Estar no ANTES não dá, tem que se estar no contexto, porque ANTES não tem interesse nenhum! Eu também apanhei com o ANTES, mas o ANTES de outrora, nem estava assim tão longe, porque tudo caminhava muito devagar! Agora o ANTES está de facto muito longe, pela forma como tudo evoluiu, nem é possível uma distracção, porque num instante ficamos mesmo no ANTES!

O ANTES, no entanto, continua no meu pensamento. Gosto de andar devagar e ir apreciando a paisagem, cada vez, gosto mais de apreciar a paisagem e, ir reflectindo em pensamentos e ideias! A verdade é que vivo em dois tempos, o ANTES e o AGORA. Difícil viver o ANTES e o AGORA, é sempre uma luta mental, para conseguir uma pacífica posição, é que o ANTES anda sempre a meter-se com o AGORA e, intimamente esta é uma realidade silenciada.

16 comentários:

Valéria Sorohan disse...

Que coisa, isso acontece comigo também, sempre estou usanso "é que antigamente...", não gosto muito, mas quando vejo, já falei!


BeijooO*

Cris França disse...

o hoje é semente do amanhã Manu, fui longe refletindo aqui comigo sobre o que vc escreveu, sem dúvida um texto de rara beleza, que só alguém como você poderia retratar. bjs querida

Chica disse...

Nosso mundo FUTURO,indubitavelmente depende do nosso ANTES e do AGORA. aDOREI!BEIJOS,CHICA

Tati Pastorello disse...

Grande questão, Manu. Eu ando sempre a remoer o antes, que muda a todo instante, cada vez mais rápido. Esta não é minha velocidade. Sou como você, mais lenta no apreciar... O agora é rápido demais. Não dura o tempo da palavra e já tornou-se antes...
Beijos.

so sad disse...

o antes sempre me atraiu, desde criança...queria saber de onde vinha tudo!
beijo1

Pedrasnuas disse...

OLÁ MANUELA...OBRIGADA PELA SAUDAÇÃO...AINDA ME SINTO CANSADA DAS FÉRIAS...RSRS

COMPREENDO PERFEITAMENTE O TEU TEXTO...

O ANTES, FOI ANTES...E QUEM SE PRENDE MUITO AO ANTES ,PRESO ESTÁ...

NÓS ADULTOS TEMOS MUITO ESSA MANIA DE COMPARAR O NOSSO TEMPO AO DELES...E NATURALMENTE QUE O FAZEMOS PARA MOSTRAR A NOSSA SUPERIORIDADE...QUE NO NOSSO TEMPO FOI MELHOR...QUE TUDO ERA DIFERENTE...HAVIA MAIS ISTO ,MAIS AQUILO...E DESTA FORMA COMEÇAMOS UM CONFLITO...SEM NECESSIDADE...EM VEZ DE TENTARMOS COMPRENDER QUE OS NOSSOS PAIS FIZERAM O MESMO CONNOSCO...BASTA PENSAR QUANDO QUERÍAMOS SAIR À NOITE...E OUTRAS VONTADES QUE CONQUISTAMOS...
NÃO PODEMOS PARAR NO TEMPO...NEM VIRAR PARA TRÁS...ARRISCAMO-NOS A PERDER O AGORA...POR MUITO QUE O PRESENTE SEJA DIFERENTE PARA NÓS...JÁ QUE DEIXAMOS DE EVOLUIR ...NÃO TEMOS O DIREITO DE IMPOR NADA NEM TRAVAR NADA...MAS SOBRETUDO QUE SAIBAMOS ENTENDER...E NÃO JULGAR

UMA VEZ MAIS AGRADECIDA PELA ATENÇÃO E SIMPATIA...ESTOU VOLTANDO AOS POUCOS

BEIJINHOS MEUS

Beth/Lilás disse...

Mas, acho que não tem muito jeito da gente não lembrar do Antes em nossas vidas, não podemos apagar assim as coisas vividas e que fizeram o que somos Agora.
No entanto, lembrar é uma coisa, viver no Antes é outra, faz-nos velhos e os jovens não gostam disso.
Adorei sua reflexão, cara amiga.
beijos cariocas

Deia disse...

O Antes aborrece quem dele não desfrutou. Por isso, ao envelhecermos (não precisa ser muito não, só o suficiente para deixarmos alguns passos marcados atrás de nós), é que entendemos a beleza do Antes. Manu, o texto está dez! Muito bacana! Beijos, Deia.

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

EU ADORO O ANTES E O AGORA NEM SE FALA!!!
BELO TEXTO!

Lúcia Soares disse...

Acho que é porque o nosso antes foi muito melhor do que agora é o dos jovens.
"Ontem já passou e o amanhã talvez não virá", está certo, mas não há como fugir do que passamos.
Não gosto muito de ficar relembrando, mas é o "antes" que governa muito da nossa vida, queirmaos ou não.
Você escreve com muita clareza, Manu!
Bj

Ana Paula Sena disse...

Um texto bem original, Manuela.

Eu antes deixava-lhe um beijo amigo, e agora, também deixo :)

Em@ disse...

Já me ri, quanto baste...eheheh...e dizer no meu tempo???? como se o tempo de alguém ficasse parado num determinado momento.criticávamos os nossos mais velhos quando utilizavam estes termos e agora...

beijo, Manú.

Barbie Girl disse...

É natural, acabamos comparando o atual com o antes...

mas o importante é plantarmos coisas boas hoje para colher bons frutos amanha!!

Flor, tem festa no meu cantinho e você é minha convidada especial! Te espero lá!

beijos

Maria disse...

Pois é. Quando chegamos à idade que já temos gostamos de andar mais devagar, de pensar no 'antes', enfim, com a ideia de que podemos adiar qualquer coisa...
Eu continuo sempre no agora. E saudades tento só ter do futuro...

Beijo, Manuela
(bom fim-de-semana)

Graça Pereira disse...

Estou de acordo contigo...neste texto belamente escrito onde conseguiste casar o "Antes e o Agora"
O Antes...fica na verdade muito, mas mesmo muito longe... mas eu corro como o vento e..vou lá, para
construir o meu...AGORA!
Beijos
Graça

G I L B E R T O disse...

Manu

O ANTES... implica em ansiedade!

O ANTES... implica em véspera!

O ANTES... implica em projetos!

Sei lá, ultimamente tenho andado muito no agora e no depois... de repente, destes algo para eu pensar, amiga Manu... Pensarei mais no ANTES...