«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




segunda-feira, 19 de julho de 2010

BLOGAGEM COLECTIVA - AMIZADE

Mais uma semana de blogagem coletiva. Dessa vez, a ideia da Crica , do blog De Tudo um Pouco e a proposta é falarmos sobre Amizade/Intimidade.


Sobre a amizade, muito se escreve, há muita máxima e muita «mínima»!..Frequentemente recebo PPS sobre a amizade, sobre um amigo é…e eu leio às vezes pela negativa, o amigo não é….Claro que estou a fazer chalaça, mas há muita especulação! O meu cepticismo, deixa-me sempre na dúvida, se o amigo vai dar uma rosa, se vai dar uma facada ou se depois da rosa vem a facada!..Paradoxalmente tenho uma grande vontade em acreditar, porque gosto de pessoas, gosto de compartilhar.



HÉCTOR BECERINI

Como só sei que nada sei (Sócrates o grego) consulto os pensadores.

A amizade verdadeira e genuína pressupõe uma participação intensa, puramente objectiva e completamente desinteressada no destino alheio; participação que, por sua vez, significa identificarmos-nos de facto com o amigo. Ora, o egoísmo próprio à natureza humana é tão contrário a tal sentimento, que a amizade verdadeira pertence àquelas coisas que não sabemos se são mera fábula ou se de facto existem em algum lugar, como as serpentes marinhas gigantes. (AQUI É QUE ESTÁ O BUZILIS!...)

Todavia, há muitas relações entre os homens que, embora se baseiem essencialmente em motivos egoístas e ocultos de diversos tipos, passam a ter um grão daquela amizade verdadeira e genuína, o que as enobrece ao ponto de poderem, com certa razão, ser chamadas de amizade nesse mundo de imperfeições. Elas elevam-se muito acima dos vínculos ordinários, cuja natureza é tal, que não trocaríamos mais nenhuma palavra com a maioria dos nossos bons conhecidos, se ouvíssemos como falam de nós na nossa ausência.


Arthur Schopenhauer, in 'Aforismos para a Sabedoria de Vida'

Durante a vida fiz amigos e inimigos, eu não sou nada consensual, ou gostam ou não gostam! A amizade para mim é algo muito simples, depois do conhecimento inicial, eu tenho de sentir empatia, gostar de conversar e de me sentir à vontade, para tal as afinidades são importantes, mas pensar diferente também não é nenhum obstáculo, até pode ser um enriquecimento, depende sempre do respeito e delicadeza que foi nascendo entre duas pessoas e da preocupação recíproca em respeitar a diferença.

Nada é mais agradável à alma do que uma amizade terna e fiel. É bom encontrarmos corações atenciosos, aos quais podes confiar todos os teus segredos sem perigo, cujas consciências receias menos do que a tua, cujas palavras suavizam as tuas inquietações, cujos conselhos facilitam as tuas decisões, cuja alegria dissipa a tua tristeza, cuja simples aparição te deixa radiante!

(ISTO ERA O IDEAL!...MAS O IDEAL NÃO EXISTE, SÓ APROXIMAÇÕES, NÓS VEM PROCURAMOS, MAS PELA NOSSA NATUREZA, NUNCA LÁ CHEGAREMOS!....)
Séneca, in 'Cartas a Lucílio'

Não sou aquele género de pessoa que quer sempre estar, costuma dizer-se, o que é demais aborrece! Gosto que se lembrem de mim e me procurem, gosto de ter alguém, que sei que tem disponibilidade para mim, quando preciso de falar e de arejar.
A melhor prova duma real amizade está em evitar os compromissos entre aqueles que se estimam. Ainda que devendo muito aos que muito me louvam, eu não quero ser-lhes obrigada pela gratidão. Mas sim grata porque estou com eles, devido a circunstâncias que a todos nós agradam e são um laço mais entre nós, sem constituírem um dever. Eu pretendo dizer da amizade o que Diógenes dizia do dinheiro: que ele o reavia dos seus amigos, e não que o pedia. Pois aquilo que os outros têm pelo sentimento comum não se pede, é património comum. Neste caso, a amizade.

Agustina Bessa-Luís, in 'Dicionário Imperfeito'


EUGÉNE BOUDIN

Há quem diga que os verdadeiros amigos fazem-se na infância, realmente o convívio é diferente, a aproximação é mais fácil, aí quem sabe o que é o ego? Ele existe mas é tão pequenino!.. Mas, em todas as idades podem-se fazer amizades, com pessoas também de todas as idades, além disso o período de duração pode ir de um momento a uma quantidade de anos. Há momentos de amizade, que nunca mais se esquecem.



A Intimidade na Amizade é algo que vai surgindo, depois de vencidas certas barreiras que nos inibem. As pessoas tornam-se mais alegres, mais faladoras, mais amáveis. No lugar do eu, surge um nós e momentos se tornam felizes, pela cumplicidade que se estabelece. Um passeio, uma viagem, uma ida aqui ou ali, são mais agradáveis, quando há uma comunicabilidade sentimental.

QUANDO ESTAMOS BEM OU QUANDO ESTAMOS MAL, UM AMIGO PODE FAZER TODA A DIFERENÇA.

BERTHE MORISOT

20 comentários:

Eliana Pessoa disse...

DIZEM POR AÍ QUE O AMIGO DE HOJE PODE SER O INIMIGO DE AMANHÃ, SÓ QUE BEM ARMADO ,POIS SABE TUDO DE SUA VIDA!!!
JÁ TIVE UMA DECEPÇÃO MUITO GRANDE COM QUEM ACHAVA SER AMIGO,HOJE QUANDO MUITO QUERO TER CONHECIDOS E SÓ!
BEIJO

Michelle Crístal disse...

Bom dia, e desde já boa semaninha. Pois é amizade verdadeira, talvez antes pudesse haver, tantas decepções, e o medo de hoje em quem confiar, tanto derramamento de sangue, as notícias tenho pavor. Esta histórias terminadas em tragédias, e pensar que se a pessoa encontrou foi pois não a confiar!
Estava indagando isso outro dia. E confesso tenho medo , li uma frase que me marcou: Tinha um casal de passarinhos, o macho ofereceu a fêmea para ajudá-la, a fêmea pensou :- Quando uma mão estendida sem pedir é melhor desconfiar, mas é desconfiando mesmo que se acredita e acreditando ainda é que se pode amar!Por isso ainda amo!

Fatima disse...

Gosto de saber que vc é minha amiga, mesmo que virtual!
Bjs.

pensandoemfamilia disse...

Olá
Boa explanação a sua. Eu tenho amigos de várias etapas da minha vida, mas preferi nesta coletiva, falar de uma amiga especial.
bjs,

Barbie Girl disse...

Somos abençoados porque temos amigos!! Linda mensagem!!

Obrigada pelo carinho com a mamãe, Manu! Ela te manda beijos!

Maria disse...

Amizade pode ser apenas um silêncio e um abraço...

Beijo, Manuela.

Françoise disse...

Oi Manu,
Amigos são mesmo peças fundamentais em nossa vida,sem eles não chegamos a lugar nenhum. Mesmo que o medo pela decepção nos consuma é preciso cultivar os bons....
saudades de você!
Beijos
Fran

Isadora disse...

Manuela, sabe o que acho na verdade é que as amizades devem ser leves, sem cobranças. Amigos são aqueles que podem ficar dois ou três meses sem se falar e quando um liga a conversa parece que foi terminada ontem. Amizade é dar e doar-se e receber em troca pelos simples fato de querer.
Sem obrigações, sem cobranças. Amizades assim passo longe. A vida é corrida e mal temos tempo as vezes para nossos pais ou filhos. Um amigo que não entende isso, para mim não vale a pena.
Um grande beijo

Glorinha L de Lion disse...

Eu sou como tu Manu, já levei facadas de quem esperava rosas e certamente devo tb ter dado algumas...é difícil e hj em dia mais ainda sabermos quem é amigo de verdade. Sei que tu és minha e eu sou tua. Decepções e remorsos? Todos temos em maior ou menor grau. Mas isso é viver.
Beijo grande minha amiga!

Laura disse...

Se fosse verdade essa dos amigos da infância, então eu não tinha nenhum... Tive coleguinhas de carteira na escola, andava dois anos em casa escola e zarpavamos para outra terra, onde os amiguinhos de então? nenhum! nem sei deles e alguns já nem os nomes sei... Os amigos para mim são os que fazemos pela vida fora e nos dão aquela ternura e amizade sem limites. tenho amigas e amigos assim já há um ror de anos. Só vim para cá há 22 anos quase...estive em Angola e África do sul, os de lá se vêm cá me visitam, lógico mas é tão raro virem...assim..haja amigos espalhados pelo mundo porque a amizade nunca morre, pelo menos em mim...
Um beijinho da laura

Bordados e Retalhos disse...

Quanto a mim prefiro pecar pelo excesso do que pela falta. Ainda que me magoem algumas vezes prefiro acreditar sempre. Acho que sofro menos assim do que ficar sempre na defensiva.A vida é um eterno arricars-se. Adorei os textos dos filósofos sobre o assunto.Bjs amiga

manuel marques disse...

Mal nos conhecemos
Inaugurámos a palavra «amigo».

«Amigo» é um sorriso
De boca em boca,
Um olhar bem limpo,
Uma casa, mesmo modesta, que se oferece,
Um coração pronto a pulsar
Na nossa mão!

«Amigo» (recordam-se, vocês aí,
Escrupulosos detritos?)
«Amigo» é o contrário de inimigo!

«Amigo» é o erro corrigido,
Não o erro perseguido, explorado,
É a verdade partilhada, praticada.

«Amigo» é a solidão derrotada!

«Amigo» é uma grande tarefa,
Um trabalho sem fim,
Um espaço útil, um tempo fértil,
«Amigo» vai ser, é já uma grande festa!

Alexandre O'Neill, in 'No Reino da Dinamarca'


Beijinho-

Teresinha Ferreira disse...

Olá Manuela,
Você viu lá no meu blog que fui homenageada. Amei e acho muito bacana termos uma amizade verdadeira. Sabe, aquela amiga cúmplice...Amiga-irmã.
Fico feliz, também, por ter novos amigos virtuais. Aqui trocamos ideias e encontramos pessoas muito interessantes, não é mesmo?
Fique bem.
Bjs mil

Crica Viegas disse...

Oi Manu
Também não sou uma pessoa consensual...sou divisora de opiniões..rs
Mas isso nunca me incomodou...rs
Simplesmente adorei teu texto e concordo com a Isadora: amigo é aquele que entende teu momento e tua vida, não fica te cobrando afeto. Isso não é amizade, é doença..rs
Adorei!

Elaine disse...

Oi Manu, muito bom estar aqui novamente, agora mais leve. Bom tb é ver que amigos torcem por nós, obrigada pelo comentário (pela torcida),amigos são a família que podemos escolher!
Beijos!!

Duarte disse...

Dói, imenso, o golpe traiçoeiro daquele que disse ser amigo. A vida já me ensinou isso... a face da dor... e se fosse só o amigo!
Também existe boa gente, bons amigos, mas a experiência da vida ensina a permanecer cauto.

Abraços de vida

Yoyo Pizy disse...

Manú querida,
Ultimamente tenho feitos vários amigos nesse universo virtual, portanto, me pego sempre pensando como nem mesmo a queastão física é uma barreira quando existe um sentimento verdadeiro entre as pessoas.
Beijinhos brasileirinhos

Ana Paula Sena disse...

Eu prezo muito a amizade, sobretudo a verdadeira, aquela que o tempo deve consolidar. A que dá provas. Mas, as afinidades que propiciam uma amizade podem surgir em minutos. O que é muito bom e animador.

Manuela, muito obrigada pela sua amizade sempre acolhedora, a qual retribuo :)

Um beijinho grande.

Luma Rosa disse...

Não sei se as verdadeiras amizades conquistamos na infância, pois tenhos amigos de lá e de outras fases. Mas creio que o tempo seja o grande selecionador das amizades e como que passados em um funil, ficam somente os verdadeiros. Dizem também que quem é de todos, não é de ninguém! Além do tempo, uso como selecionador a distância e os problemas. O verdadeiro amigo não se assusta com problemas e muito menos te cobra presença (distância). Dos pensamentos que apresentou, me identifiquei com o de Agustina Bessa-Luís. Beijus,

Deia disse...

Concordo com você: em todas as idades se pode construir amizades reais, duradouras. Um beijo, Deia.