«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




sábado, 6 de março de 2010

VERDADE - RICARDO REIS (PESSOA)

A verdade é inacessível.

«Os deuses dão a vida e não a verdade.»


Sob a leve tutela
De deuses descuidosos,
Quero gastar as concedidas horas
Desta fadada vida.
Nada podendo contra
O ser que me fizeram,
Desejo ao menos que me haja o Fado
Dado a paz por destino.
Da verdade não quero
Mais que a vida; que os deuses
Dão vida e não verdade, nem talvez
Saibam qual a verdade.

Odes de Ricardo Reis . Fernando Pessoa. (Notas de João Gaspar Simões e Luiz de Montalvor.) Lisboa: Ática, 1946 (imp.1994).

1 comentário:

Elaine Barnes disse...

Muito bom o poema. Não existe uma verdade única, a não ser Deus.O resto, cada um tem seus princípios e valores,então estamos na vida para experimentar e aprender. Partilhar bons e maus momentos e procurar chegarmos o mais próximo do amor para estarmos mais perto de Deus. E viva a vida! Montão de bjs e abraços agradecidos pelas visitas e comentários