«Através da violência pode matar um assassino, mas não o assassinato.

Através da violência pode matar um mentiroso, mas não a mentira.

Através da violência pode matar uma pessoa odiosa, mas não o ódio.

A ESCURIDÃO NÃO PODE EXTINGUIR A ESCURIDÃO. SÓ A LUZ O PODE FAZER.»

MARTIN LUTHER KING




quarta-feira, 7 de abril de 2010

O QUE ERAS E O QUE ÉS!?...

Ando estranha!.. Será do tempo? Está frio, está calor, está vento, vem o sol, depois a chuva. O céu tem uma parte carregada de nuvens negras e depois às tantas começa a pingar. Está um tempo de tolos!..Estou na fase da alergia aos pólenes!.. E depois vem as enxaquecas.

Há uns anos padeci muito deste mal, agora só aparecem de tempos a tempos, quando ando mais nervosa e nas mudanças de estação. Quando diminuíram, tornei-me uma pessoa diferente, mais sorridente, mais comunicativa, mais social.
Quem sabe o que são enxaquecas deve saber bem como é! A luz, o som e os cheiros tornam-se intoleráveis e a paciência acaba por desaparecer. Eu sentia-me com um aspecto medonho, de olhos muito inchados, tornava-me implicativa e chata! Os meus filhos ficaram traumatizados com as minhas enxaquecas, porque ainda hoje falam disso, queixavam-se e com razão, que eu andava sempre com cara de mal disposta e sempre a ir para a cama. Ao fim-de-semana a enxaqueca muito raramente deixava de estar presente, logo ao fim de semana, quando tinha assuntos a tratar em casa, quando tinha mais tempo para dedicar aos meus filhos, era demais!..Lá tomava eu a dose de «cavalo» e ia para a cama, para o escuro, para o silêncio, até passar!..


Ganhei muitas inimizades por causa da enxaqueca, porque se tinha algum compromisso, se dissesse que não ia, diziam estás sempre a fugir a tudo, se ia, a minha má cara, não me era nada favorável!..
Quase ninguém compreende a enxaqueca se nunca a teve, porque não sabe até que ponto as dores de cabeça, que às vezes incidem sobre um lado da cabeça e da face, são fortes e incomodativas, não é como uma dor de cabeça normal, que se toma um comprimido e passa, às vezes tem que se tomar não sei quantos, apenas atenua e fica-se com uma «grande pedrada». Acontecia-me andar com enxaqueca durante o dia, depois dormia e de manhã acordava novamente com a enxaqueca. A enxaqueca foi uma herança da minha mãe e agora a minha filha é a vítima. Isto de enxaqueca até fazia rir certas pessoas pela palavra em si, quando trabalhava e dizia ontem não pude vir, porque estive com uma enxaqueca, riam-se, gozavam…

ALGUÉM SABE O QUE É UMA ENXAQUECA?

Fui ontem com a minha filha a um Centro Comercial e senti-me velha! A menina não se cansa de mais uns farrapitos e pronto lá fui, mas não gosto nada de Centros Comerciais. Andamos de loja em loja e eu a olhar para aquilo tudo e a pensar, onde está o meu corpo que cabia naquela roupa? Calças abaixo do umbigo, camisolas apertadíssimas!.. Como a moda tem ciclos eu já algures vesti aquilo tudo!...Roupa para disfarçar, certos «papinhos», que com a idade vão aparecendo é que nada, se há é um estilo muito assenhorado, que ainda me faz mais velha!...Não posso dizer que sou gorda (estou a mentalizar-me!), relativamente à minha altura tenho a mais 3 kilos, até ando sempre com «fome», mas de vez enquanto tenho que fazer uma «desbunda» e o resultado é o «pneu» que logo aparece, preciso de ficar três dias a comer legumes!...
A minha filha que me deve ver sempre nova, porque estando bem disposta ponho todos a rir com as minhas palhaçadas, confunde o espírito com o corpo, considera que eu devia vestir biquíni (que usava) e outras roupas, mas se eu não me sinto bem ao espelho, não há nada a fazer!...A propósito detesto espelhos, tenho uma imagem mental de mim própria que não se reconhece no espelho, há dias que até me assusto!...
A estética hoje está muito avançada e muitas mulheres vão por aí!...Eu não, nem nunca!...Operações? Nem pensar, eu até do dentista tenho medo!...Depois as pessoas ficam desfiguradas, tenho visto caras incríveis!... Ainda recentemente alertaram as mulheres, que tinham posto mamas de uma marca francesa, que corriam certos perigos!...Não, não…artificialismos nem pensar, tenho mais que fazer ao dinheiro!...Isto da idade é uma questão de mentalização e aceitação, o pior é vencer os dias mais negativos!....
Escrevi isto e fui ao ginásio para relaxar…nadei, estive no jacuzzi, no banho turco, na sauna…Vim como nova!...O pior é dia-a-dia, ir ao ginásio, eu sei que sempre me faz bem, mas é cá uma ginástica mental!...O meu pior defeito, entre os piores é mesmo a preguiça, mas quando activo ninguém me segura!...

IR AO GINÁSIO, VIR DE RASTOS... AINDA SE EU FICASSE ASSIM ESBELTA?

9 comentários:

Bordados e Retalhos disse...

Manu, me identifiquei muito com esse post. Porque enxaqueca eu já sofri demais. Tive menopausa precoce aos 34 anos parei de menstruar. Imagine o que passei, ninguém entendia nada e tudo começou com uma dor de cabeça terrível. No dia que deveria mesntruar o que veio foi a enxaqueca e ficou 15 dias me torturando. Hoje faço reposição hormonal e cuido (um pouco) da alimentação. Frituras e gorduras (as coisas gostosas) fazem muito mal para a minha cabeça. Ai só de falar no assunto, já sinto latejar. Quanto as roupas lindinhas nas lojas que não me cabem mais, ai quanto a isso prefiro nem comentar... Bjs amiga. Ah, meu médico um dia falou que os enxaquecosos são muito inteligentes.

Maria disse...

Minha querida Manuela

De enxaquecas nem me fales, soube o que isso era durante mais de 20 anos. Daquelas que se têm 15 dias seguidos e andas em pé - quando andas - perfeitamente drogada. Daquelas que quando no escritório ainda não havia computadores e as máquinas de escrever te batiam na cabeça, sabes?
Deixei de fumar e de ter stress (por decisão) e as enxaquecas foram-se.

Agora o corpo. Ainda bem que temos mais uns quilinhos (eu dispensava alguns, mas...) é sinal que fomos mães, que já vivemos, e agora somos avós, ou quase.
Não há nada mais ridículo do que uma mulher de 50 anos dizer que ainda veste calças de quando tinha 18 ou 20. Isto depois de ser mãe de dois filhos. Vê só o sacrifício que esta mulher faz.
A vida é para ser vivida e disfrutada, porque é só uma!

Beijinhos

Barbie Girl disse...

Oi amiga querida! Como foi de páscoa?

Andei sumidinha, por isso não passei por aqui esses dias...
Primeiro viajei no feriado, logo logo vou fazer um post.
Na segunda tive uns probleminhas de saúde para resolver e ontem tudo se tornou um caos com aquela tempestade em todo Rio de Janeiro, para vc ter uma ideia, moro em Niterói, e é a cidade com mais mortos, aí já viu?
Bateu aquele desânimo...
Mas graças a Deus eu e minha família estamos bem, vou tentar me atualizar na blogosfera querida, SENTI SAUDADES!
Obrigada pela visita e pelo carinho!
beijo grande!

Glorinha L de Lion disse...

Manu, querida! Faz-me rir com teus posts! Não tenho enxaqueca nem nunca tive, mas quando comecei a entrar na menopausa, tive umas dores de cabeça quase diáris...mas depois, passou...hoje como sou asmática, às vezes tenho sinusite, mas tomo um remedinho e passa...quanto aos kg a mais...ai amiga, quando me lembro que vestia 38 e hoje visto 42...são mais de 15 kg ao longo de 30 anos...pra mim que sou baixinha, é uma tristeza...mas meu corpo se modificou depois que comecei a malhar...aqui, se chama malhar fazer ginástica, então ganhei massa muscular...mas a barriguinha...ai essa teima em ficar no mesmo lugar, não se muda nem por decreto!
mas já me conformei....plástica só faria na barriga, no rosto, jamais!
Para ficar igual um tribufú com vejo essas mulheres por aí...Nananinanão! Prefiro minhas ruguinhas...sinal que ri e chorei! C'est la vie!
Beijinhos azuis pra ti!

Nes disse...

Hola Manuela, ademáis de esos síntomas que ti describes, eu sufría dos oidos, sentía como grilos en eles, como si tivese una banda de música na cabeza.

Con respeto a imaxe cada un e como e, non sirve de nada o recordar como eramos antes, solo sirve para facernos sentir mal.

A piscina e moi boa, a min gustame moito, o sabado pasado nadei de bagar moito tempo, o final fixen tresmil metros, non se trataba de facer ningun record, solo que me sentía a gusto, si non fose por que tiña que ir a o baño, non sei si ainda estaría alí agora, claro que o tempo climatico que estamos a sufrir e o cambio de estación nos afecta, desexoche que mellores de contado, un biko.

Nes

manuel marques disse...

são as idade terríveis. É a idade em que nos tornamos naquilo que somos ...

Beijo querida amiga.

Lu Souza disse...

Olá Manu,

Sei bem o que passa com a enxaqueca, pois sofro desse mal também. A minha é resultado de remedios fortíssimos que tomo para controlar o reumatismo. Entendo e sinto perfeitamente tudo que escreveu.
Dei muita risada dos seus comentários sobre as roupas e moda e a ginástica. Ter disposição, ainda mais com o tempo maluco como está é difícil não é mesmo? Eu até tento fugir, mas nao posso também (preciso reforçar a musculatura por conta da artrite reumatoide). E quero chegar aos 30 enxutona, ahahaha. Sou vaidosa demais, mas sinceramente também nao penso em plasticas, operações não. Sinto dor só de pensar nisso.
Não gosto do bigode chinês nem do fato dos seios ir diminuindo quando emagreço, mas encarar uma cirurgia são outros 500.
Um beijão pra vc! Melhoras, sim???

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Enxaquecas não sei o que saõ, felizmente, mas nest época do ano a minha rinite alérgia fica assanhada, a conjuntivite quase me tira os olhos das órbitas, a faringite provoca-me uma irritação danada e a sinusite deixa-me em desespero.
Só não sofri desste mal em Macau e durante os primeiros anos após o regresso. Este ano ainda não veio nada, mas estou à espera e quando isso acontecer, nem preciso dizer nada, porque vai notar logo quando visitar o Rochedo. Fico cá com uma irritação...

Fatima disse...

Gosto muito de ler o que vc escreve Manuela.
Bjs